• Login (atualize a página se necessário)
Lais Myrrha, Uma biblioteca para dibutade I, 2006
Tales Bedeschi, Linha curva da Terra, 2010
João Castilho, Tempero, 2009
Adriano C. Gomide, Toque de Alvorada, 2012
Rachel Falcão, Da série Labiríntimo, 2009
Alice Costa Souza, Diário da melancolia, 2003
Hélio Nunes, (Para que serve a pintura?) Para criar buraco em sabão... dando razão àqueles que não consideram Dalí surrealista, 2011
Lais Myrrha, Bestiário, 2005
Lucas Delfino, Rito de Passagem: O beijo, 2010
Lais Myrrha, pódio para ninguém, 2010

Grandes para Ver, 2009

Douglas Pego, Grandes para Ver, 2009

Pintura sobre madeira recortada, dimensões variáveis.

São displayers em madeira que trazem notícias curtas de revista de fofoca em desenho. Em tamanho aproximado ao dos artistas, são instaladas em locias de trânsito de pedestres.